A sede do governo do Estado foi transferida temporariamente, nesta sexta-feira (6/5), para Venâncio Aires, no parque onde ocorre a Festa Nacional do Chimarrão, a Fenachim.  A iniciativa faz parte do projeto Avançar pelo Rio Grande – Governo na Comunidade, que já levou a sede do executivo estadual para Torres, Soledade e Santa Rosa. O objetivo do projeto é aproximar o governo dos municípios e de seus moradores, além de promover feiras e eventos que ocorrem no RS.

O governador Ranolfo Vieira Júnior e uma equipe de secretários de Estado participaram da abertura oficial da Fenachim e do ato de assinatura do decreto de transferência da sede de governo.

“Venâncio Aires é a capital nacional do chimarrão, e sabemos da representatividade do chimarrão para os gaúchos, na nossa cultura e na nossa história. Com este projeto, prestigiamos municípios e grandes eventos como a Fenachim. É uma forma de fomentarmos os setores de turismo e de eventos, duas áreas muito atingidas pela pandemia. Este projeto também tem o objetivo de promover a interação com os municípios e as comunidades e ouvir as pessoas. Durante toda a minha vida pública, estive interagindo com as pessoas, é essa é a ideia aqui também”, disse o governador. 

Durante a manhã em Venâncio Aires, o governador e o secretário de Justiça e Sistemas Penal e Socioeducativo, Mauro Hauschild, assinaram um termo de cooperação entre o governo do Estado e o município, com o objetivo de unir esforços para a execução da obra de revitalização do antigo Instituto Penal de Mariante, a fim de criar no local  o primeiro Centro de Formação de Servidores da SJSPS. 

O antigo Instituto Penal de Mariante, que está desativado desde 2015, fica nas imediações da atual Penitenciária Estadual de Venâncio Aires. No espaço revitalizado, será possível a realização de cursos de formação, treinamentos, capacitações, aperfeiçoamento e desenvolvimento das equipes de pessoal da SJSPS, Susepe e Fase. 

O secretário Hauschild disse que, além de ser destinado à formação dos agentes para o exercício da função e para uma área de treinamento de tiro, o espaço abrigará um local de formação para professores que atuam dando ensinando socioeducandos e dentro das unidades prisionais. “ É fundamental termos professores preparados para esta realidade de formação das pessoas privadas de liberdade. Sabemos que isso exige uma preparação específica para qualificar o ensino dentro do sistema prisional. Isso também poderá ser feito dentro daquele espaço, um patrimônio do Estado que será revitalizado”, disse. 

Também foi assinado um contrato de financiamento entre o Badesul e a prefeitura de Venâncio Aires, com a contratação de R$ 12 milhões para a pavimentação de vias e criação de ciclovias na cidade. 

Na parte da tarde, o secretário de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano, Carlos Rafael Mallmann, apresentou um painel sobre o programa Avançar, que já destinou R$ 6,3 bilhões em recursos do Estado para todas as áreas estratégicas de governo, buscando qualificar a prestação de serviços para os gaúchos e impulsionar o desenvolvimento do Rio Grande do Sul. O secretário destacou os investimentos do Avançar para Venâncio Aires e municípios da região. 

Texto: Thamíris Mondin e Suzy Scarton
Edição: Christianne Schmitt/Secom



Governo do Estado do RS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.