O governador Eduardo Leite recebeu, no Palácio Piratini, na tarde desta quinta-feira (24/3), uma comitiva oficial da Região Autônoma dos Açores, liderada pelo diretor regional das comunidades açorianas, José Maria de Medeiros Andrade.

Em uma cerimônia no Salão Alberto Pasqualini, o governador entregou a Medalha do Mérito Rio-grandense ao diretor. Após a homenagem, Leite falou sobre o momento especial em que a visita da comitiva ocorre. Em 2022, o Rio Grande do Sul comemora os 270 anos do povoamento açoriano. O governador lembrou ainda que Porto Alegre, que completa 250 anos no sábado (26/3), foi fundada por açorianos. 

“Nosso Estado é resultado do que os açorianos construíram aqui, não só em Porto Alegre, mas em diversas outras localidades, como em Pelotas, onde fui prefeito. A ousadia dos primeiros habitantes, a energia criativa de quem troca de continente para mudar de vida, deixando para trás raízes e plantando a esperança de dias mais promissores, tudo isso faz parte do que somos e transbordou como influência para vários aspectos da nossa identidade e do nosso cotidiano”, afirmou o governador.

Leite disse ainda que as interações com comitivas internacionais são oportunidades para reforçar laços. “Quando o Palácio Piratini abre suas portas centenárias para agendas internacionais, ganhamos um presente duplo. Temos a oportunidade de estabelecer ou reforçar laços, identificando as possibilidades concretas para desenvolver oportunidades mútuas. Podemos também refletir sobre nossas origens e sobre nossos problemas comuns”, acrescentou. 

O diretor Andrade também falou sobre a aproximação entre os Açores e o Rio Grande do Sul. “Esta comitiva traz um abraço açoriano ao povo do Rio Grande do Sul. Não somos sequer dois povos irmãos, somos quase um povo único, nas duas margens do Atlântico. Este ano de 2022 é um ano muito importante para nós. Temos um passado em comum, um presente estimulante, e podemos ter um futuro muito importante, com  essa nossa relação de proximidade. Queremos estreitar cada vez mais essas relações”, disse. 

Após a solenidade, o governador acompanhou a comitiva na exposição fotográfica “Questão de Tempo”, instalada no terraço do Palácio Piratini para homenagear os 250 anos de Porto Alegre. 

Texto: Thamíris Mondin
Edição: Marcelo Flach/Secom



Governo do Estado do RS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.